sexta-feira, 26 de novembro de 2010

#TGIF: HTML5 game


Mais um jogo para se jogar no browser, só que dessa vez, nada de flash, apenas html, javascript e css, um dos jogos em html5 mais bem feitos que vi até agora, e um FPS bem divertido, pena ser curto.

Clique na imagem para jogar.


No site do próprio jogo há mais informações do seu desenvolvimento.



quinta-feira, 25 de novembro de 2010

Youtube: "Até parece"

Estagiários tomando controle? piada estranha? não sei, só sei que quando fui logar no youtube me apareceu essa mensagem:

Até parece?
Se alguém souber o motivo dela e puder me esclarecer, ficaria grato. Senão, acho que o youtube está tirando uma com a minha cara.

segunda-feira, 22 de novembro de 2010

domingo, 21 de novembro de 2010

Jogo 8-bits de Harry Potter no Youtube!

Alimente a nostalgia dos jogos 8-bits com "Harry Potter e o Espectro das Aulas de Verão"!, ficou bem legal, além de bater aquela saudade de jogar Pokémon do Game Boy Color.


visto aqui

Movieclips: Discursos Inspiradores

Certos discursos são capazes de inspirar qualquer um que os escutem, aqui um mashup de alguns discursos inspiradores do cinema.




"they can take our lives, but they will never take our freedom!"

achado através deste post.

sexta-feira, 19 de novembro de 2010

terça-feira, 16 de novembro de 2010

sexta-feira, 12 de novembro de 2010

Kongregate: Nuclearoids

Nuclearoids: Jogo altamente viciante, crie reações em cadeia e destrua todos os núcleos.




São apenas alguns níveis, mas você não vai querer parar de jogar até fechá-lo.

quarta-feira, 10 de novembro de 2010

TedTalk: Jessica Jackley: Poverty, money -- and love

Imagine aquela pessoa que sempre fala que está preocupada com os problemas do mundo, que sempre diz que é necessário fazer alguma coisa para ajudar os outros, mas passa o dia na internet vendo vídeos engraçados de gatinhos no Youtube.

Infelizmente, não é difícil imaginar alguém assim.

E se perguntada porque ela mesma não toma alguma atitude, ocorre uma avalanche de desculpas, motivos para continuar sentado no sofá, acreditando que 'se preocupar' já é atitude suficiente, já que poucos se preocupam, e assim a consciência da pessoa segue limpa, ou pelo menos sob a ilusão de limpeza.

Jessica Jackley conta que era assim, dava esmolas para se sentir melhor consigo mesma, mas fugia o máximo possível da pobreza a sua volta, coisa rara neh.

Hoje ela é a co-fundadora do site Kiva.org, que promove a "micro-economia" permitindo que pessoas que vivem com muito pouco consigam pequenos empréstimos para poder tocar um empreendimento, e assim ter um pouco mais de dignidade.

E também do Profounder onde pessoas podem buscar investimentos para seu empreendimento dentro da própria comunidade (e família, e amigos).

Um TedTalk que vale a pena ser assistido, para se conhecer a história de vida de alguém que descobriu um meio de ajudar aqueles que necessitam que vai além da esmola.



Fazia um bom tempo que não postava TedTalks aqui, pretendo não repetir isso.

segunda-feira, 8 de novembro de 2010

Como Treinar seu Dragão

Adaptações de livros infantis para animação costumam ser sucessos certos, mas Como Treinar seu Dragão consegue se destacar nessa classe, um filme necessário para quem gosta desse estilo.


O filme conta a história de Soluço, um jovem vinking diferente de todos os outros do seu povo, que não demostrava ter nenhum talento para a atividade mais comum entre os vikings, caçar dragões.

Ser filho do chefe da vila só piorava a situação para Soluço, seu pai o entendia por ser tão diferente, enquanto ele tentava demonstrar para todos que era capaz de matar um dragão (e se conseguisse uma namorada no processo, ainda melhor).

É quando ele resolve matar o "Fúria da Noite", um dragão que nunca havia sido visto, sinônimo de morte e destruição entre os vikings.

A história então gira em torno das consequências das atitudes de Soluço, que queria conseguir a aprovação de seu pai e de toda a vila, (e uma namorada, é claro), mas ao mesmo tempo começa a descobrir que talvez matar todos os dragões não seja o correto a se fazer.

Soluço acaba sempre estando dividido entre o que os outros esperam dele e o que ele sabe o que é o correto a se fazer, as dificuldades de ser diferente o pressionaram a vida toda, mas para fazer o que é certo ele precisa confrontar tudo aquilo que esperam dele.

Uma animação com muita comédia e momentos de tensão, muito bom e recomendado.




Spoilers

A grande surpresa ocorre quando, após ter conseguido abater o Fúria da Noite e não tê-lo matado, Soluço descobre que tudo o que os vikings sabem sobre os dragões está errado, ao desenvolver uma amizade com Banguela (nome que ele resolve dar ao Fúria da Noite).

Soluço descobre que ao abater o Banguela que ele havia arrancado parte da calda de Banguela, então ele fez uma "protese" para Banguela, permitindo que ele montasse no Banguela. (depois de decorar as posições da protese para conseguir pilotá-lo direito).

Sendo assim, todas as tardes Soluço aprendia mais coisas sobre os dragões com Banguela, e aplicava esses conhecimentos no treinamento que fazia para matar dragões na sua vila.

O problema ocorre quando Soluço se recusa a matar um dragão no fim do seu treinamento, para mostrar a todos que isso não era necessário, porém o dragão o ataca por causa da agitação do pai de Soluço. Banguela consegue ouvir Soluço a distancia e corre para ajudá-lo, é quando Banguela é capturado.

O pai de Soluço resolve utilizar Banguela para encontrar o ninho dos dragões, sem saber que todos os ataques dos dragões á vila eram para trazer comida para um dragão gigante que vivia no ninho, um dragão grande o suficiente para que todos os outros o temessem.

Soluço teve que se juntar aos outros que estavam em treinamento para ajudar seu pai, e ele e Soluço conseguem derrotar o dragão gigante, porém não sem um certo custo.

sexta-feira, 5 de novembro de 2010

Tipografia #3 - V de Vingança

"Remember, remember the 5th of November. The gunpowder, treason, and plot. I know of no reason why the gunpowder treason should ever be forgot."

Em comemoração ao 5 de novembro, tipografias feitas com V de Vingança .







Existem vários outros no youtube, esses são alguns dos que mais gostei.

E para quiser tentar decorar a introdução feita por V (denovo para alguns), aí está ela:

Voilà! In view, a humble vaudevillian veteran, cast vicariously as both victim and villain by the vicissitudes of Fate. This visage, no mere veneer of vanity, is a vestige of the vox populi, now vacant, vanished. However, this valorous visitation of a by-gone vexation, stands vivified and has vowed to vanquish these venal and virulent vermin van-guarding vice and vouchsafing the violently vicious and voracious violation of volition.
Verily, this vichyssoise of verbiage veers most verbose, so let me simply add that it's my very good honor to meet you and you may call me V.

quinta-feira, 4 de novembro de 2010

Wallpapers #3

Estou usando o Ubuntu Maverick Meerkat (10.10) e os wallpapers que vieram junto com essa distro estão ótimos.

Atualmente estou usando este:

 

Mas os outros não ficam nada atrás, fiz uma seleção dos que usarei quando me cansar deste. 

     
 

Esses wallpapers foram todos enviados por usuários do ubuntu para o grupo Ubuntu Artwork, que foi criado para escolher wallpapers para o Ubuntu. Lá existem mais de 5 mil wallpapers, vale a pena perder um dia inteiro dar uma olhada.

Visto em: /usr/share/backgrounds/